Esqueceu sua senha? Clique aqui

Ainda não é cadastrado?

Após cadastrado, o CPF não pode ser alterado.
Digite uma nova senha:

Esportes |

Vôlei

Falta de vaga olímpica no vôlei ainda aflige Zé Roberto

Seleção feminina de vôlei joga o Pré-Oímpico Sul-Americano a partir de 9 de maio em São Carlos (SP)

  • Agência Estado
  • 26/04/2012 15:58

A seleção brasileira feminina de vôlei está em Saquarema, no Rio onde se prepara para a disputa do Pré-Olímpico Sul-Americano da modalidade, que começará no próximo dia 9 de maio, em São Carlos (SP). Na cidade do interior paulista, o time nacional tentará assegurar classificação aos Jogos de Londres depois de ter fracassado em sua chance anterior de obter a vaga.

Em novembro do ano passado, o Brasil falhou em sua tentativa de garantir a vaga antecipada da Olimpíada por meio da disputa da Copa do Mundo, no Japão, onde o País ficou apenas com a quinta colocação da competição. E, embora as brasileiras sejam francas favoritas a carimbar o passaporte para Londres em São Carlos, o técnico José Roberto Guimarães admitiu incômodo, nesta quinta-feira, com o fato de a mesma não ter sido conquistada anteriormente.

"Realmente a situação incomoda muito, a gente ficou em quinto na Copa do Mundo, muito próximos do Japão (quarto colocado), mas tivemos uma temporada complicada em 2011, pois perdemos muitos jogadoras por contusão", afirmou o treinador, que esperava contar com um calendário menos desgastante antes da Olimpíada e não queria ter iniciado esta temporada sem saber quando o Brasil garantirá lugar nos Jogos.

Dezoito jogadoras realizam no momento este período de trabalhos no CT da seleção brasileira, em Saquarema, e entre elas está a ponteira Jaqueline, que ano passado sofreu uma série lesão no pescoço logo no jogo de estreia do Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, fato que a deixou de fora da Copa do Mundo do Japão. E a jogadora ressaltou a importância de a seleção assegurar a sua classificação à Olimpíada já em São Carlos e evitar a possível disputa de um Pré-Olímpico Mundial.

"Nem passa pela nossa cabeça não conquistar essa vaga no Pré-Olímpico Sul-Americano e ter que disputar o Pré-Olímpico Mundial, porque assim emendaremos uma competição atrás da outra até a Olimpíada e precisamos descansar um pouco antes de competir em Londres", afirmou Jaqueline, lembrando que antes dos Jogos Olímpicos o País ainda disputará o Grand Prix, a partir de 8 de junho.

Já a levantadora Fernandinha, principal novidade da última convocação da seleção, foi elogiada por Zé Roberto nesta quinta. O treinador disse que a jogadora, que estava atuando no Azerbaijão e se juntou ao grupo de atletas em Saquarema na última segunda-feira, está na briga direta pelo posto de titular da sua posição, hoje ocupado por Fabíola.

"A vaga está em aberto, a Fabíola fez uma ótima temporada, mas teve a facilidade de jogar com grandes jogadores ao lado dela, e já com presença na seleção. E a Fernanda é uma menina de personalidade forte, tem um espírito de liderança muito grande e acrescenta muito à equipe", disse o treinador.

Abrir comentários