Online

Roberto Custódio / Jornal de Londrina

Roberto Custódio / Jornal de Londrina / Primeiros moradores do Residencial Vista Bela: 12 mil londrinenses nos próximos anos Primeiros moradores do Residencial Vista Bela: 12 mil londrinenses nos próximos anos

Com 41.285 moradores, região do Cinco Conjuntos é a mais populosa de Londrina

Formado por 23 jardins, conjuntos habitacionais e loteamentos, o Cinco Conjuntos foi criado na década de 70 como forma de expansão da cidade. Segunda região mais populosa é o Centro Histórico, que abrange 11 bairros

02/07/2011 | 00:02 Daniel Costa, colaborou Juliana Gonçalves

O Cinco Conjuntos, na zona norte, é a região mais populosa de Londrina. No local, moram 41.285 londrinenses, segundo dados do Censo 2010, divulgados na sexta-feira (1º). Os números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) fazem parte de um estudo sobre mais de 14 mil bairros de cidades que adotam essa divisão territorial.

Formado por 23 jardins, conjuntos habitacionais e loteamentos, o Cinco Conjuntos foi criado na década de 70 como alternativa de expansão de Londrina para a zona norte. De acordo com o último levantamento, a região conta com 21.394 mulheres e 19.891 homens. A faixa etária predominante é a que abrange pessoas entre 15 e 64 anos, com 70,4%.

A zona norte é a mais populosa de Londrina, uma vez que abrange as regiões do Coliseu (4.618 moradores), Parigot de Souza (23.276), Vivi Xavier (19.544), Alpes (10.603), Pacaembu (9.686) e Ouro Verde (12.493).

Para o presidente da Companhia Municipal de Habitação (Cohab), João Verçosa, nos próximos anos a concentração populacional continuará na zona norte. Um exemplo é o Residencial Vista Bela, localizado na região denominada Perobinha – hojea menos populosa. No Censo 2010, os recenseadores identificaram 22 moradores na região. Com a entrega das 2.700 moradias do residencial, o presidente da Cohab disse que aproximadamente 12 mil londrinenses devem passar a residir na região. “A zona norte é a área que possibilita a expansão de moradias. Dos 36 mil inscritos na fila da Cohab, com renda de até três salários, 47% querem morar na região norte.”

De acordo com os dados do IBGE, a segunda região mais populosa de Londrina é o Centro Histórico, formado por 11 bairros, com 32.601 habitantes. Conforme o presidente da Cohab, o crescimento populacional na área central foi reduzido nos últimos anos em razão da especulação imobiliária. “Com o investimento na zona norte se criaram grandes vazios urbanos na área central. Isso foi proposital para aumentar o valor dos terrenos. Esses espaços acabaram sendo adquiridos pela iniciativa privada para construção de estabelecimentos comerciais”, explicou Verçosa.

Na zona sul, a região mais populosa é a Piza, com 12.386 moradores, seguida pela União da Vitória, com 10.086. Com uma topografia acidentada, que encarece a construção civil, a área acabou ficando reservada para empreendimentos imobiliários destinados a pessoas com maior poder aquisitivo.

Idosos se concentram na área central

Dados do Censo, relacionados a idade, mostram que os idosos estão concentrados no Centro. Para o arquiteto e urbanista Gilson Bergoc, o fato é explicado pela tendência de crescimento da própria região da cidade. “Os bairros mais antigos já têm uma população idosa consolidada. É o caso de bairros como Vila Recreio, Vila Brasil e Vila Nova”, afirma.

Leia também
Últimas Notícias rss
13:20Rio Grande do SulTarso e Sartori discute...
13:16PesquisaCampanha de Dilma contrata boca ...
13:13PenalidadeInserção de discurso de Lula n...
13:01OttawaHomem atira em soldado em monument...
12:33TragédiaMG: morre operário vítima de exp...
12:23São Miguel do IguaçuPrefeito é afastado ...
12:16FCCFinalizada proposta de lei que altera...
11:40LondrinaApós correção de irregularidades...
11:32CrescimentoPara consultoria, serviços às...
11:31AnálisePara comitê da Dilma, foi criada ...