Acesso ao sistema

Esqueceu sua senha? Clique aqui

Ainda não é cadastrado?

Após cadastrado, o CPF não pode ser alterado.
Digite uma nova senha:

Mundo |

Eleição na Grécia

Partido neonazista chega pela 1ª vez ao Parlamento grego, segundo pesquisas

Amanhecer Dourado conseguiria entre 13 e 22 cadeiras, suficientes para contar com grupo parlamentar próprio

  • EFE
  • 06/05/2012 14:31

Um partido neonazista entrará pela primeira vez no Parlamento da Grécia após ter obtido entre 5% e 8% dos votos nas eleições legislativas deste domingo (6), segundo as primeiras pesquisas de boca-de-urna divulgadas.

Trata-se do partido Amanhecer Dourado, ao qual as pesquisas pré-eleitorais já davam cerca de 5% das intenções de voto, que lhe permitiria conseguir entre 13 e 22 cadeiras, suficientes para contar com grupo parlamentar próprio.

O Amanhecer Dourado ganhou terreno graças à crise econômica que afeta a Grécia e seus militantes não duvidam em expor publicamente suas ideias xenófobas e sua opção pela linha dura contra os imigrantes, aos quais qualificam como "escória humana".

"Invadiram nosso país e tiram nossos trabalhos. Se conseguirmos o poder, deportaremos todos imediatamente e fecharemos de novo as fronteiras com minas, cercas elétricas e mais guardas", declarou Ilias Panayotaros, porta-voz do partido, em recente entrevista à Agência Efe.

Fundado em 1993 pelo ex-oficial do Exército grego Nikolaos Mijaloliakos, o partido mantém vínculos com outros movimentos neonazistas europeus e, segundo as denúncias da imprensa e políticos gregos, com elementos da Junta Militar deposta em 1974 e inclusive com grupos da atual polícia.

Até pouco tempo, o Amanhecer Dourado só contava com um apoio eleitoral mínimo, mas nas municipais de 2010 conseguiu um vereador na prefeitura de Atenas, obtendo em alguns bairros até 20% dos votos.

Abrir comentários